UNIMED - Sergipe
15 de Janeiro de 2021

“Que a minha vida sirva para cuidar de muitas outras vidas”


Declaração apaixonada pela profissão evidencia o comprometimento da enfermeira de UTI Bruna Yonara
 
Na entrevista do “Sou do Time”, dessa sexta-feira, 15, a Supervisora de Enfermagem da UTI, Bruna Yonara Brito, expõe o seu compromisso em cuidar. A enfermeira atua na Unidade de Tratamento Intensivo, do Hospital Unimed, e integra a equipe de cuidados aos pacientes com Covid-19. Com a pandemia, Bruna tem enfrentado desafios profissionais que confirmam a cada dia a sua carreira como enfermeira. Confira:
 
UNIMED SERGIPE: Como se deu a escolha pela carreira na área da saúde e em específico a enfermagem?
BRUNA YONARA: A possibilidade de estar cuidando de pessoas e ajudar de alguma forma no bem-estar delas, levou-me a escolher a carreira profissional na área de enfermagem. Durante toda o período na escola, sempre me vislumbrou a ideia de trabalhar e contribuir com a vida saudável de tanta gente. E isso é algo que trago como um lema particular: “Que a minha vida sirva para cuidar de muitas outras vidas”.  
 
US: Como é o dia a dia do profissional que trabalha na UTI do Hospital Unimed?
BY: O cotidiano do profissional de enfermagem na UTI é bem dinâmico e complexo, pois trabalhamos diretamente com pacientes críticos, alguns com baixas possibilidades de cura, e outros para um tratamento intensivo que voltam ao seio familiar após reestabelecer a sua saúde. Na UTI, estão pacientes muito debilitados. Nossa intenção e desejo, é devolvê-los saudáveis aos seus familiares.  
 
US: Que impactos você sente em sua vida pessoal ao atuar de forma direta no atendimento de pacientes que inspiram cuidados como integrante da equipe de cuidados intensivos do Hospital Unimed?
 
BY: Trabalhar no cuidado de pacientes na UTI impactou muito na forma como vejo a vida, principalmente ao observar a dificuldade e a angústia dos familiares que ficam distantes dos seus entes queridos. Nós, enfermeiros, que muitas vezes mediamos a comunicação entre os pacientes e a família. Tal relação nos torna mais empáticos e sensíveis ao próximo. Trabalho com eles de forma humanizada e à disposição para todo o apoio necessário.
 
US: Qual a importância do profissional de enfermagem para os nossos pacientes, no contexto da pandemia?
 
BY: A pandemia deu mais visibilidade ao trabalho do profissional de saúde, como enfermeiras e enfermeiros temos mostrado para a sociedade o quanto estamos inseridos em vários processos hospitalares. Em meio a esse momento tão desgastante e único, nós temos mostrado como um pouco mais a força da enfermagem nos procedimentos.